ode ridícula ao parêntese

Algumas teclas quebraram por aqui.
Não tenho mais zero.
Volume, só o de aumentar. Diminuir, esquece.
Hífen foi comprar cigarros e nunca mais voltou.

Mas confesso que o que está pegando mesmo é o parêntese.
O segundo, sabe? Pra fechar as coisas. Encerrar o assunto.
A minha mania de deixar tudo meio por fazer, jogada na minha cara por um teclado velho.

Parêntese, volta.
tô sentindo sua falta.

E também do emoticon do sorrisinho. nesse mundo cheio de tristeza.

:( :(